4 de fev de 2019

O meu Orixá...




Certa vez um amigo perguntou o que meu Orixá representa para mim, e o porquê de eu ter tanto amor por algo que não existe ou aparece. Não pestanejei pra responder, disse:

“Porque meu Orixá é meu chão, é minha terra, meu caminhar, ele quem trilha os meus caminhos… Eu não preciso enxergá-lo, basta eu sentir que ele está por perto. E sim, sinto demais quando ele está. 

Meu Orixá representa tudo na minha vida, ele é a água que eu bebo quando tenho sede, ele é meu pai, pois é quem me dá os melhores conselhos. Ele é a minha mãe, pois me ama e me tem nos braços como se fosse uma. Ele é meu irmão, pois sempre tenho com quem conversar quando penso que estou sozinha. Ele é meu melhor amigo, pois sempre tenho um ombro para chorar e por pior que seja a besteira que eu faça, ele nunca vai me dar as costas. 

Meu Orixá é meu companheiro, pois nunca movimento um dedo sequer sem a permissão dele. Ele vive dentro de mim, por isso, aprendi que quando eu cair eu posso levantar, me limpar e aprender a caminhar melhor. Ele é meu professor, pois está ali para ensinar e me cobrar quando faço errado. 

Meu Orixá é a força que existe dentro de mim, é o ar que eu respiro. É com ele que eu aprendo que a vida não é fácil, a vida tem seus momentos ruins e bons. 

Enfim, meu Orixá é minha vida, e sim, se um dia tiver de atravessar um rio, ou um incêndio segurando ele com uma mão e fazendo mil malabarismos para não derrubá-lo, eu farei com gosto, colocando na balança todas as vezes que ele fez mil e um malabarismos para não me ver no chão.



Nenhum comentário:

Postar um comentário