26 de abr de 2018

Apenas 5 minutos da prática do silêncio por dia pode transformar sua vida




Tenho constantemente falado sobre o cultivo do silêncio e o seu poder transformador. Para mim, o silêncio é a base para o autoconhecimento. A principal ferramenta para que você explore seu mundo interno e se desenvolva como ser humano, ampliando sua consciência de quem você é de verdade, do que dentro de você é ou não real. É, ainda, seu aliado no desenvolvimento do foco e da concentração, entre tantas outras virtudes.

Em poucos segundos, o silêncio é capaz de trazer você de volta ao seu centro, dissolvendo nuvens escuras de pensamentos e emoções.

Sua prática constante é muito poderosa e é somente se entregando a ela que você poderá conhecer o poder real que o silêncio pode ter em sua vida. De resto, será apenas eu usando palavras para te contar a minha experiência, sem que você viva a sua. Por isso, venho o convidando a fazer a experiência de parar algumas vezes no seu dia, sem celular, computador ou distrações, e se recolher no silêncio, nem que seja por um minuto. Esses poucos instantes, se feitos diariamente, são capazes de transformar o seu dia e a sua vida. É verdade que, em um primeiro momento, ele talvez não lhe pareça natural e será preciso exercitá‑lo como uma austeridade inteligente.

Possivelmente, quando você se dispuser a se aquietar, perceberá um grande barulho interno, uma agitação, ansiedade e um turbilhão de sentimentos e pensamentos.

Na medida em que usar sua vontade consciente e fizer algum esforço para se colocar quieto, você começará a se desassociar dea mente barulhenta e aos poucos, conseguirá romper com esse estado compulsivo de pensar. No mínimo, irá ampliar o poder da sua auto‑observação para poder ver a origem do tumulto que te habita, podendo assim, se aprofundar no processo de cura e transformação.

Conforme se disciplinar na prática do silêncio, será possível atravessar essas resistências e entrar em comunhão com o seu Ser, em que o silêncio pode fluir naturalmente. Aos poucos, as respostas para suas perguntas e a compreensão para o jogo da vida surgirão espontaneamente, mesmo que você não tenha feito as perguntas, acordando valores como a calma, a aceitação, a presença e a paciência.

Portanto, mais uma vez eu o convido: experimente colocar em prática esse exercício tão simples de parar algumas vezes em seu dia, se desligar do mundo lá fora e colocar o foco no fluxo da sua respiração. Em um post anterior, já comentei quais são os 6 passos para quem quer começar a meditar.

A cada expiração, permita‑se esvaziar de toda expectativa e preocupação, relaxando e se colocando total no momento presente.

Assim, você simplesmente testemunha de forma silenciosa o ar entrando e saindo, evitando julgamentos, críticas, comparações e diálogos internos. Eu os convido a se recolher em silêncio por um instante hoje. Mesmo que seja um único instante, esteja inteiro nele.

Permita‑se descansar no seu silêncio.


Por: Siri Prem Baba