10 de fev de 2017

Umbanda Branca? Só com união

O experimento de Newton
Olá irmãos, como vão todos? Espero que bem.

Sabem aquele momento em que você vê alguma coisa bem simples que lhe dá uma grande ideia? Pois é, foi o que aconteceu comigo quando vi a imagem acima. É apenas um gif animado que mostra quadrados coloridos que, ao se unirem, se tornam um círculo branco. Nada de mais, né?

Isso me lembrou o experimento de Issac Newton sobre as cores-luz, que consistiu basicamente em vedar um ambiente, deixando-o completamente escuro e abrir uma pequena fresta para a luz (branca) entrar. Tudo normal a não ser pelo fato de Newton colocar um prisma diante do feixe de luz, o que dissipou seus raios e fez refletir na parede a gama de cores que compunham a luz branca do dia. Assim ele aprendeu, dentre outras coisas, que quando
falamos de cores-luz, o branco é a soma de todas as cores.

Lembrei-me também que em um dos primeiros textos deste blog eu me dediquei à explicação de como a Umbanda lida com os Orixás e suas lendas e o que eles representam para a nossa religião. Em poucas palavras, o Orixá é uma energia que rege determinadas nuances de nossas vidas (saúde, família, justiça, batalhas, caça, luta por objetivos, morte etc.), cada uma com sua vibração na natureza (água do mar, dos rios, vento, pedra, metal, lodo, trovão etc.) e suas cores características (Azul, Vermelho, Verde, Amarelo, Marrom...). Estes são os Orixás.

E o que Isaac Newton e um gif animado tem a ver com a Umbanda e os orixás?

A Umbanda só é branca quando estamos todos unidos.
Orixás são vida, energias vivas em suas cores representativas. São Luz. E Oxalá? Ele é representado pela cor branca do equilíbrio, da sabedoria, da paz. O branco da união de todos os propósitos, branco do amor e da igualdade. Branco que só se consegue quando todas as energias trabalham juntas no mesmo ritmo e na mesma direção. Por isso a Umbanda é branca, por isso somos o Exército Branco de Oxalá e, como diz o nosso hino, levamos ao mundo inteiro a sua bandeira. A Umbanda é isso: união, paz e amor. Todos caminhando juntos com o mesmo propósito de caridade, lado a lado em prol daqueles que precisam.

Assim como os orixás (e as cores-luz), podemos fazer muito sozinhos, mas somos perfeitos unidos, só somos Umbanda com união. Então esqueçam por um instante seus métodos e processos, suas liturgias, e pensem se estamos hoje todos unidos em nossos propósitos.

Será que estamos?


Por: Cláudio Corrêa