1 de ago de 2014

Macumba não resolve a vida de ninguém!

Macumba não resolve a vida de ninguém!
É melhor levantar e ir batalhar do que esperar por um milagre. 
Olá irmãos umbandistas!

Eu iria dissertar hoje sobre a última gira que realizei, nosso encerramento da linha de esquerda, mas durante essa semana me ocorreu algo muito interessante.

Eu havia dito no texto sobre mediunidade consciente que lembramos apenas aquilo que os Orixás julgam importante para nosso aprendizado. Pois ocorreu de o Sr. Zé Pelintra dizer, durante um descarrego em uma moça que "Macumba não resolve a vida de ninguém. O que é para ser seu vai ser, desde que você conquiste". Isso ficou comigo.

Nesta semana uma pessoa que há muitos anos não falava comigo - isso porque já foi filha de santo do terreiro que frequento! - veio me chamar no chat do facebook, acompanhem o diálogo:

Ela: Cláudio preciso de sua ajuda urgentemente!
Eu: Pode falar, tô aqui pra ajudar.
Ela: Preciso subir de cargo no meu emprego e sei que você e seus guias vão me ajudar
Eu: Errr... vou pedir para eles te iluminarem para que seu esforço aí seja recompensado
Ela: Não quero isso, só preciso que você me diga o que eu tenho que fazer e onde para eles me darem esse cargo.
Eu: Entenda, nada é mais forte do que a fé e o empenho. Se você quer tanto assim isso, batalhe pelo cargo. Eu não faço macumba, há quem faça, mas eu não.
Ela: Você conhece quem faz?
Eu: Não.

E não obtive resposta a seguir. Nem um "Obrigada, tchau". Nem isso.

Fiquei pensando em como algumas pessoas ainda enxergam a Umbanda como o último recurso mágico para resolver seus problemas ou caprichos, veem em nós umbandistas como fazedores de macumbas e vislumbram nas oferendas uma barganha com os Orixás, algo como "Eu dou uma pinga e ganho aquele emprego, dou um peixe e meu chefe sai do meu pé". Isso me deprime.

Quem vê na Umbanda um lugar onde seus problemas serão resolvidos está desperdiçando seu tempo e renegando todo o potencial de crescimento espiritual e mental que há dentro do templo, nas palavras dos Orixás. Como já disse Sr. Marabô: "Quem tem que resolver seus problemas é você, não fui eu que os criei. Você cavou a cova, agora se enterre ou saia do buraco e o feche para que outro não caia. Estamos aqui te dando todo o apoio na subida para fora do buraco".

Já passou a era em que era só arrear um prato na encruza e esperar o "milagre" acontecer. A humanidade evoluiu e a Umbanda também. O mundo tá aí girando e é melhor corrermos atrás porque...

...macumba não resolve a vida de ninguém!


Axé!


Por: Cláudio Corrêa